sexta-feira, 1 de abril de 2011

Esse amor ...

Eu prometi a mim mesma manter o meu coração seguro , aplicar com calma um remédio pra livrá-lo da dor que o atormenta , prometi  não tirar outra vez o escudo, seguir outra estrada e simplesmente esquecer tudo que me deixa triste .
Mas quando você sorri mesclando a malícia e a inocência, lá está eu outra vez pronta pra seguir sua voz.
As  minhas palavras somem e eu quebro minha própria promessa  .
Sim , eu irei até você .
Desarmo as armadilhas que me protegem e me submeto a sofrer de novo, abaixo a resistência  pronta pra receber o golpe fatal aplicado por mim mesma : Amar .

Nenhum comentário:

Postar um comentário